Bertrand recupera «As Terras do Demo», de Aquilino Ribeiro

Terras do Demo, de Aquilino Ribeiro, dá seguimento à (re)publicação, por parte da Bertrand, das obras de um dos maiores nomes da literatura portuguesa.
Aquilino Ribeiro, nascido em 1885 e falecido em 1963, chamou à terra onde nasceu «Terras do Demo», e descreve-a nestas palavras:
«A serra é agreste, primitiva, mas tem carácter, sem dúvida. Comprazes-te em pintar-lhe as virtudes e encantos sem sombras, e não serei eu que te acoime de parcial. As tintas escuras são para o novelista e tens razão. Decerto que eu, ao chamar-lhe Terras do Demo, não quis designá-las por terras do pecado, porque o pecado seja ali mais grado ou revista aspeto especial que não tenha algures. Nada disso. A serra é portuguesa no bem e no mal. Chamei-lhe assim porque a vida ali é dura, pobrinha, castigada pelo meio natural, sobrecarregada pelo fisco mercê de antigos e inconsiderados erros e abusos, porque em poucas terras como esta é sensível o fadário da existência.»

Advertisements

One response to “Bertrand recupera «As Terras do Demo», de Aquilino Ribeiro

  1. Comprei, hoje mesmo, “Terras do Demo”. Faltava-me esta preciosidade na estante. A Bertrand, ao “recuperar” obras de arte como esta, dá indicação de que alguém, na sua grelha editorial, anda atento a realidades. Bem hajam.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s