«A Vida Não É Aqui», de Milan Kundera, regressa às livrarias com capa desenhada pelo próprio

A Dom Quixote reedita a 31 de Agosto A Vida Não É Aqui, de Milan Kundera, o escritor de origem checa autor de obras como A Insustentável Leveza do Ser e eternamente considerado candidato ao Nobel. A capa deste livro, que ganhou o Prémio Médicis, é da autoria do próprio Kundera.

Sinopse: «Milan Kundera chegou a pensar dar a este romance o título A Idade Lírica. A idade lírica, segundo ele, é a juventude, e este romance é, acima de tudo, uma epopeia da adolescência, uma epopeia irónica que corrói ternamente valores sagrados: a infância, a maternidade, a revolução e, até mesmo, a poesia. Com efeito, Jaromil é poeta. Foi a sua mãe que o fez poeta, e é ela que o acompanha (figurativamente) aos seus leitos de amor e (literalmente) ao seu leito de morte.
Personagem ridícula e comovente, horrível e de uma inocência total (“a inocência com o seu sorriso sangrento”!), Jaromil é, ao mesmo tempo, um verdadeiro poeta. Não é um canalha, é Rimbaud. Rimbaud apanhado na armadilha da revolução comunista, na armadilha de uma farsa negra.»

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s