Mistério e História nas novidades de Janeiro da Civilização

A Civilização vai lançar em Janeiro de 2011, a nível de ficção estrangeira, dois novos romances, assinados por Tana French (Sombras do Passado) e Howard Norman (A Herança da Filha), assim como o livro de História Os Últimos Cruzados, de Barnaby Rogerson, onde faltam referências a Portugal.

Sombras do Passado – Tana French
Sinopse: «Um momento decisivo – aos dezanove anos – definiu o rumo de vida de Frank Mackey: quando a sua namorada, Rosie Daly, não compareceu a um encontro em Faithful Place e, dessa forma, não fugiu com ele para Londres como tinham planeado. Frank não voltou a ter notícias dela.
Vinte anos mais tarde, Frank vive ainda em Dublin e trabalha como polícia infiltrado. Cortou todos os laços com a sua família disfuncional. Até ao dia em que a irmã lhe telefona a dizer que encontraram a mala de Rosie. Frank embarca numa viagem ao passado que o leva a reavaliar tudo aquilo que ele crê ser verdade.»

A Herança da Filha – Howard Norman
Sinopse: «Wyatt Hillyer, de dezassete anos, fica órfão no espaço de algumas horas, quando os pais, após se envolverem os dois com a mesma vizinha irresistível, uma telefonista e aspirante a actriz, saltam de duas pontes diferentes. Os suicídios levam Wyatt a ter que se mudar para Middle Economy, para viver com os tios e a arrebatadora prima Tilda.
A chegada do estudante alemão Hans Mohring, apenas com uma mochila às costas, vem desencadear uma série de emoções perturbadoras relacionadas com as perfídias de guerra. Acontecimentos históricos verídicos – incluindo o ataque de um U-boat alemão ao ferry Caribou que fazia o percurso Nova Escócia-Terra Nova, no qual a tia Constance Hillyer poderia ou não estar – dão um intenso poder narrativo à intrincada história de Norman.»

Os Últimos Cruzados – Barnaby Rogerson
Sinopse: «Os Últimos Cruzados é uma narrativa extremamente rica e cativante que começa a sua viagem pela história de Portugal no início da expansão marítima, com a conquista de Ceuta. Fala da carnificina de Lepanto, das conquistas de Don Juan, da construção de uma pirâmide de caveiras espanholas por Dragut, em Jerba, da utilização de exemplares do Alcorão pelos Espanhóis para melhor acomodarem os seus cavalos nos estábulos, da vida dos escravos a bordo das galés, bem como do fabrico da pólvora e da fundição de canhões e do ouro.
Este livro fala do último grande conflito entre o Oriente e o Ocidente, do confronto titânico – nos séculos XV e XVI – entre o Cristianismo liderado pela casa de Habsburgo e o Império Otomano. E, embora se concentre nas grandes campanhas navais e na luta feroz pelo domínio da costa norte-africana, recria o conflito que, de certa forma, equivaleu à primeira guerra mundial.»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.